“Família, torna-te aquilo que és”.

No plano de Deus Criador e Redentor a família descobre não só a sua identidade, mas também a sua “missão”, o que pode e o que deve ser feito. São chamadas por Deus a desenvolver na história, tarefas que brotam do seu próprio ser e representam o seu desenvolvimento dinâmico e existencial. Cada família descobre e encontra em si mesma o apelo inextinguível, que ao mesmo tempo define a sua dignidade e a sua responsabilidade.

“Família, torna-te aquilo que és”.

Para conseguirmos a restauração da nossa família, é preciso voltar ao princípio e a melhor maneira é entender que a finalidade da família se baseia em ser reflexo da Santíssima Trindade e assim como a Trindade tem sua missão cada família tem a missão criadora, redentora e santificadora. Por tanto, preciso compreender que a minha missão é levar a minha família a ser santa.

A decadência da família

Antigamente as famílias eram pessoas mais simples e humilde que trabalhavam no campo entre elas, vivendo mais unidas e próximas umas das outras. Mas com o passar do tempo começam os ataquem nas famílias, ideologias que vieram para destruir as famílias, mostram que a felicidade está nos “bens”, consentindo que pai e mãe devam trabalhar horas e horas ficando cada vez mais fora de casa, separando assim as famílias.

Devemos então pedir a Deus a graça de restaurar nossas famílias, pois só se restaura aquilo que tem valor e nossa família tem seu valor próprio, já que ganhamos de presente nossa família de Deus devemos cuidar, amar, zelar e rezar por ela. E essa restauração começa nos pequenos gestos dentro de casa. Papa Francisco nos ajuda a compreender isso através das suas catequeses de quarta-feira que são chamadas três palavras: com licença, obrigado e desculpa.

Precisamos portanto, manter nossa família na rocha firme que é Cristo Jesus.

Mais Recentes

Nomeações para o Brasil

Catanduva O Santo Padre nomeou Bispo de Catanduva (SP)  Dom Valdir Mamede, transferindo-o da sede episcopal titular de Naisso e do cargo de

Ano Diocesano da Juventude

Graça e Paz! Sabemos que o Ano Diocesano da Juventude em nossa diocese está todo pautado no sínodo dos bispos que ocorreu