O que iremos guardar desse ano?

Com a chegada do final do ano, parece que tudo nos leva a fazer memória. Costumamos lembrar as conquistas, as perdas, as alegrias e até mesmo as tristezas. Foram 360 dias de muitas aventuras.

Teve gente que mudou de emprego, de casa, de cidade. Teve gente que terminou relacionamento. Teve gente que casou. Teve gente que começou a academia, mas parou no terceiro dia. Teve gente que se encantou com o por do sol e teve preguiça de despertar no primeiro raiar da manhã.

Teve gente que pediu perdão, que perdoou. Teve gente que amou. Teve gente que entrou na faculdade. Que concluiu o doutorado. Que descobriu sua vocação, seu lugar na Igreja. Teve gente que partiu em missão sem medo de ser feliz. Teve gente que conheceu o amor de Deus. Teve gente que cresceu.

Teve gente que se apaixonou, que cantou música em inglês sem saber a letra, que pegou ônibus errado, que pagou boleto atrasado. Teve gente que fez o que tinha que fazer. Gente que abraçou seus familiares, que beijou seus filhos, que chorou com o cônjuge. Teve gente que simplesmente sorriu diante da dor.

Teve gente que consolou e se deixou amar. Teve gente que teve pressa. Gente que escolheu esperar. Teve gente que decidiu rezar. Gente que caiu e teve coragem para recomeçar. Teve gente que ajudou quem precisava de ajuda. Teve gente que tomou muito banho de chuva.

Foram muitos dias, muitas horas, muitos minutos, muitos segundos, muitas batidas do coração. Isso é vida. A vida é dom que se renova a cada dia. Deus nos dá oportunidade para ser melhor a cada amanhecer, a cada novo ano. Que tenhamos todos um santo e feliz ano novo!

Comunidade Shalom

Mais Recentes

Nomeações para o Brasil

Catanduva O Santo Padre nomeou Bispo de Catanduva (SP)  Dom Valdir Mamede, transferindo-o da sede episcopal titular de Naisso e do cargo de

Ano Diocesano da Juventude

Graça e Paz! Sabemos que o Ano Diocesano da Juventude em nossa diocese está todo pautado no sínodo dos bispos que ocorreu