A CRUZ PRESENÇA

É comum e natural ver grupos de pessoas que tenham o mesmo objetivo de vida fazer uso de sinais que lembram a finalidade ao qual foram criados. Esta realidade dos sinais são vistos dentro da igreja pois há décadas, reconhecemos os Franciscanos pelos seus hábitos e também o “Tau” de Francisco de Assis. Dentro das Novas Comunidades a grande maioria trás sinais de pertença, mas qual o significado da Cruz da Comunidade Presença? É o que iremos descobrir neste artigo.

Quem utiliza a cruz?

A cruz com o crucificado é conferida aqueles que dentro do carisma Presença já concluíram a fase do discipulado, isto é, a fase inicial da vida do missionário que deverá ter o período mínimo de três anos e logo na sequência ingressa na fase preparatória da consagração definitiva que é chamada de Vínculos Temporários, estes que chegam nesta fase temporária e também os membros definitivos na consagração utilizam a Cruz Presença.

A Cruz com Cristo Crucificado?

Em muitas outras instituições até mesmo em novas comunidades a cruz é usada como sinal de pertença, nós da Comunidade Presença utilizamos a cruz com Jesus Crucificado, pois temos como inspiração a vida e os escritos de Santa Catarina de Sena que nos revela que: “a cruz não permitirá dormir no sono do descuido de Deus e dos irmãos”  a Santa também nos orienta que o corpo do crucificado são degraus para alcançar a vontade de Deus, ou seja, desde o primeiro degrau que é os pés de Jesus onde “caminhamos para atingir o amor”  que nos faz atingir o segundo degrau que é o do peito de Jesus onde “conhecemos os segredos do coração de Cristo, tendo uma experiência do amor do seu coração aberto”  e por fim alcançando o último degrau que é o da boca do Filho de Deus aonde “nossa alma receba a paz”, temos um percurso de santidade que norteia a vida dos missionários.

O Logo escondido: qual o sentido de termos o nosso logo escondida na cruz de Cristo? Primeiramente para cumprir os escritos de Santa Catarina de Sena ao qual a nossa vida deve estar escondida nas chagas do crucificado e o segundo atributo é que a nossa frente está Jesus, o carisma será sempre um seguimento de Cristo.

Portanto temos como definição sobre a cruz missionária da Comunidade Presença, que “olhando para a cruz saberemos que o corpo de Cristo se fez uma caverna para esconder-nos dos inimigos, para ser lugar de repouso e acalmar. No corpo de Cristo crucificado recordaremos que seu corpo é nosso alimento servido na chama do amor e seu sangue é nossa bebida servida no altar da eucaristia” (Santa Catarina de Sena).

E aí gostou de saber quais são os significados de nosso sinal de pertença? Com certeza em outras novas comunidades e expressões você irá encontrar outros sinais, mas é certo que cada comunidade tem o seu próprio e expressa principalmente o legado, missão e valor do carisma na sociedade.

Marília Siqueira – Missionária da Comunidade Católica Presença

Mais Recentes